Usuários

Spa-a-cmyk

Pesar da SPA pela morte do músico e compositor Guilherme Inês

 A SPA manifesta o seu pesar pela morte, aos 70 anos, em Lisboa, do músico e compositor Guilherme Inês, associado da cooperativa desde 1976 e seu cooperador desde Abril de 1988.

Guilherme Inês nasceu em Lisboa em 30 de Abril de 1951, tendo desde muito novo evidenciado uma forte inclinação musical. Em 1970 ingressou nos “Chinchilas” e logo depois nos “Objectivo”, os quais alcançaram reconhecimento público, após o que integrou uma das últimas formações do Quarteto 1111. Mais tarde, e já com vários parceiros relevantes do panorama musical português, funda o projecto musical “Cid, Scarpa, Carrapa e Nabo” que acompanhou José Cid na gravação de temas como “Mosca Superstar” em 1977.
 
Prosseguiu, depois, uma longa carreira profissional tocando ao vivo e como músico de estúdio com nomes como José Afonso, Sérgio Godinho, Fausto e Vitorino, entre outros.
 
Em 1981 entrou para a banda “Salada de Frutas”, com José da Ponte, grupo que viria a alcançar grande sucesso em temas que ficaram conhecidos no universo musical nacional, iniciando igualmente um trabalho sério de produção de novos interpretes, nos estúdios “Namouche”.
 
Ainda com José da Ponte, trabalhou activamente na área da publicidade, criando inúmeros “jingles” publicitários. 
 
Em 1986, juntamente com Luís Oliveira, compôs e produziu o tema “Não Sejas Mau Para Mim”, o qual viria a representar Portugal no “Festival Eurovisão da Canção” daquele ano, com interpretação da cantora Dora.
 
Guilherme Inês e José da Ponte produziram ainda nomes como Lena d’Água e Gustavo Sequeira, tendo tido uma participação decisiva no lançamento dos primeiros discos de Dulce Pontes.

Trabalhou como executivo na BMG Portugal.
 
A SPA testemunha à família do músico e autor o seu pesar solidário.
 
Lisboa, 15 de Setembro de 2021