Usuários

Joao_almeida-st

Prémio de Jornalismo Cultural para João Almeida da Antena 2

A SPA criou em 2016 o Prémio de Jornalismo Cultural que é agora atribuído, na sua primeira edição, a João Almeida, director da Antena 2 e autor de vários programas naquela estação da rádio pública portuguesa. O prémio destina-se a distinguir um jornalista "que se tenha destacado durante anos em qualquer órgão de comunicação social pela competência, dedicação e qualidade com que trata temas da actividade artística e cultural, seja qual for a área de expressão e a forma como se materializa." O prémio tem o valor pecuniário de dois mil euros e inclui a entrega de um troféu.
 
Este é mais um prémio que a SPA passa a atribuir com periodicidade anual, para além dos entregues na gala televisiva e no Dia do Autor Português, em 22 de Maio de cada ano, e ainda dos prémios Pedro Osório, Igrejas Caeiro e José da Ponte.
 
João Almeida nasceu em Lisboa em 1963, frequentou o Curso de Solfejo da Academia de Amadores de Música e o Curso de Guitarra da Escola Duarte Costa e ainda o Curso de Psicologia da Faculdade de Faculdade de Psicologia. Trabalhou como autor-intérprete com grupos de teatro como o Teatro Ibérico e a Casa da Comédia.
 
Entre 1988 e 1999 foi repórter da TSF, assegurando a cobertura internacional de acontecimentos como a reunificação da Alemanha, a queda de Ceausescu e os massacres do Ruanda. Recebeu menções honrosas de vários prémios de jornalismo. Em 2000 passou a integrar os quadros da SIC e, a partir de 2005, ingressou na RDP, a que continua ligado, também como director da Antena 2, desde Janeiro de 2016, tendo sido seu director-adjunto entre 2005 e essa data. Faz, entre outros o programa "Quinta Essência", de entrevistas, e intervém regularmente e com reconhecida competência e qualidade na cobertura radiofónica de importantes acontecimentos culturais nacionais e estrangeiros, facto que contribuiu para a tomada de decisão da SPA. 
 
Lisboa, 11 de Janeiro de 2016