Logo_st

SPA congratula-se com a capital Ibero-Americana de Cultura 2017


Que vai promover cooperação e diálogo

A SPA congratula-se com a realização, ao longo deste ano, do programa que integra a Capital Ibero-Americana da Cultura 2017, que envolve directamente a Câmara Municipal de Lisboa e a participação e a colaboração de dezenas de outras instituições e associações. Os eventos decorrerão ao longo de todo o ano e a prolongam-se, com assinalável diversidade, até 22 de Dezembro.
 
O acto inaugural da Capital Iberio-Americana é a exposição "Al Final del Paíso", do mexicano Démian Flores, inaugurada no próximo dia 7 na na galeria do Padrão dos Descobrimentos. As obras expostas integram-se na tradição da grande pintura muralista mexicana que teve em Diego Rivera e José Clemente Orozco alguns dos seus mais talentosos representantes. O programa prossegue, também nesse dia, às 19.30, com uma cerimónia de abertura no Teatro São Luiz. Na mesma sala decorrerá nessa noite o concerto Canções para uma Festa, com a participação de Gisela João, e Mariela Condo, do Peru, e de Yomira John, do Panamá.
A candidatura de Lisboa para acolher este intenso programa cultural e artístico foi aprovada por unanimidade.
 
Com coordenação global assegurada por António Pinto Ribeiro, a Capital Ibero-Americana de Cultura irá incluir numerosos eventos culturais e artísticos que promoverão o encontro e diálogo entre autores e artistas dos países que integram esta vasta e representativa comunidade a nível cultural e artística.
 
Considera a SPA que são momentos como este que mais contribuem para fortalecer o trabalho de cooperação entre criadores e difusores culturais dos países que fazem parte desta comunidade. Tanto a nível da CISAC como do Writers and Directors Worldwide, a SPA, que integra as duas estruturas de direcção, tem contactos regulares e relevantes com as sociedades que, ao nível das várias disciplinas criativas, representam e protegem os criadores ibero-americanos.
 
Durante a assembleia geral do Writers and Directors Worlwide, no Rio de Janeiro, no início de Outubro de 2016, a SPA esteve em contacto, sobretudo na área do audiovisual, com as sociedades do Brasil, da Argentina, da Colômbia e do Chile, entre outros países, tendo anunciado o processo de concretização do projecto de cooperação lusófona que envolve países como Angola, Moçambique, Cabo Verde e também Timor Leste.
 
Desta Capital Ibero-Americana realizada em Lisboa surgirão por certo ideias que apontam para novas iniciativas que fomentem a aproximação e o diálogo entre os criadores culturais e os artistas dos diversos países. 
 
Lisboa, 5 de Janeiro de 2017