Spa-a-cmyk

SPA mantém qualidade de resposta no acompanhamento aos autores

 Na sequência das inovações introduzidas no acompanhamento aos autores ao longo dos últimos anos, das quais são exemplos, entre outras, a extensão do horário de abertura ao público, a reorganização de funções, a introdução de senhas de presença, ou, mais recentemente, o alargamento dos meios electrónicos de atendimento, a SPA continua a evidenciar uma resposta positiva e de qualidade, num momento em que, não obstante, as restrições e dificuldades persistem. 

Assim, ainda em teletrabalho e já no período habitual de férias dos autores, durante o mês de Agosto, os serviços da SPA realizaram perto de 250 atendimentos com vista ao pagamento de direitos, na sequência ainda da distribuição de finais de Junho. Foram enviados mais de 1200 emails relativos a assuntos dos associados, paralelamente às diárias trocas de correspondência física. Os funcionários recepcionaram ainda mais de 400 chamadas telefónicas, ficando asseguradas as restantes rotinas operacionais, das quais se destaca o pagamento do subsídio estatutário aos cooperadores.
 
Relembre-se que a aposta nos meios tecnológicos prossegue, como forma de reduzir o crescimento excessivo de presenças nas instalações da SPA, por força do significativo acréscimo anual de associados, o que exigiria um incremento dos recursos humanos e materiais, bem como dos encargos financeiros. O aprofundamento desta realidade proporcionará igualmente uma maior celeridade das interacções dos autores com a cooperativa, possibilitando um mais personalizado e cuidado acompanhamento presencial.
 
A atribuição de subsídios de emergência e de adiantamentos por conta de direitos mantém-se com apreciável frequência e rigoroso escrutínio por parte do Conselho de Administração, permanecendo de igual modo activos os restantes instrumentos de apoio como o Fundo Cultural, com mais de uma centena de projectos atribuídos a criadores na última época de candidatura.
 
A SPA continuará a procurar, agora com o expectável retorno à normalidade, as melhores soluções para corresponder às necessidades sempre urgentes dos associados, promovendo, através da qualidade dos serviços e da solidariedade, a protecção dos autores e da vida cultural.
 
Lisboa, 13 de Setembro de 2021