Destaques

Spa-a-cmyk

SPA elegeu equipa dirigente para o próximo quadriénio com a maior votação de sempre na história da cooperativa

 A comunidade autoral escolheu, em acto eleitoral realizado no dia 19, os corpos sociais que irão, sob a presidência de José Jorge Letria, governar a SPA no quadriénio 2019-2022. A lista única obteve um expressivo apoio de 304 votos, a maior votação de sempre na história da SPA.

A mesa da Assembleia Geral será presidida por Rui Vieira Nery e o Conselho Fiscal pelo compositor Pedro Abrunhosa, ambos com mandato agora renovado.
 
A lista, com o slogan "Tudo Pelos Autores, Sempre!", contou com o apoio de uma Comissão de Honra constituída por 210 autores de todas as disciplinas. Durante o processo eleitoral foi lançado o "Perfil do Autor Português", um estudo elaborado por uma equipa de investigadores do ISCSP-Universidade de Lisboa, que será de grande utilidade para as instituições que em Portugal lidam com a cultura e os seus criadores. Esse estudo aponta para a necessidade de profissionalização dos criadores culturais portugueses. Foi igualmente lançado um documento com os 12 principais objectivos estratégicos da SPA para o próximo quadriénio. A dinamização do projecto de cooperação lusófona é um dos grandes compromissos da nossa equipa.
 
Há cerca de uma semana, a SPA lançou o volume "O que SPA Fez e Tem para Contar", súmula das notícias e comunicados mais representativos difundidos pela cooperativa durante o mandato que agora termina. A tomada de posse dos novos corpos sociais decorrerá nos primeiros dias de Janeiro de 2019.
 
A lista agora eleita tem mais mulheres que a do mandato anterior. Pela primeira vez vieram votos da Delegação do Porto. Foi apreciável o número de votos presenciais, para além dos por correspondência.
 
José Jorge Letria continuará a exercer as funções de vice-presidente da Direcção do Grupo Europeu de Sociedades de Autores (GESAC), com sede em Bruxelas, depois de ter presidido até Maio deste ano ao Comité Europeu de Sociedades de Autores da CISAC. 
 





Lisboa, 20 de Novembro de 2018