SPA presente na Cimeira Mundial de Autores e nas Assembleias da CISAC e do BIEM em Washington

SPA referida como exemplo de estabilidade e de presença prestigiante no espaço mediático 

Uma delegação da SPA constituída pelo seu presidente, José Jorge Letria, e pela directora do departamento de Relações Internacionais, Vanda Guerra, participou em Washington, entre 4 e 7 de Junho, na Cimeira Mundial de Autores, e nas assembleias Gerais da CISAC e do BIEM, para além de ter realizado reuniões bilaterais  e multilaterais com outras sociedades e entidades. 

Em todas as reuniões plenárias esteve presente a crise que afecta o direito de autor e as indústrias culturais, todos eles afectados pela ausência de legislação que proteja os criadores das várias disciplinas e dignifique as estruturas que os representam. 

Na Cimeira Mundial de Autores que juntou cerca de 700 criadores, dirigentes de sociedades de vários continentes e representantes da indústria, dos “media” e sobretudo das novas tecnologias da comunicação, foi possível manter um debate aberto e franco e harmonizar algumas posições em conflito. 

Merecem destaque, entre muitas outras, a intervenção de Paul Williams, compositor famoso já distinguido com um “oscar” da academia e presidente da ASCAP, do compositor Jean-Michel Jarre, eleito em Washington presidente da CISAC, e ainda das ex-ministras da Cultura do Brasil e do Perú, respectivamente, Ana de Hollanda e Susana Baca. 

Para além disso, os representantes da SPA  mantiveram reuniões com dirigentes de diversas sociedades de autores, com estruturas que as agrupam na área das novas tecnologias, com o presidente do Comité Africano da CISAC e com as sociedades de autores brasileiras, tendo esta reunião sido das mais relevantes em termos de futuro. Com os dirigentes das sociedades brasileiras foi nomeadamente discutido o futuro dos Encontros Lusófonos de Sociedades de Autores, cuja edição deste ano deveria decorrer em Luanda, nada estando, no entanto, definido a esse respeito até à data.  

Decorreu igualmente um encontro com José Macarro, novo responsável na CISAC por toda a área da Informática e que foi um quadro importante nesta área na SGAE. 

Em Washington, várias sociedades apontaram a SPA como um referencial de estabilidade interna, de capacidade de resistência à crise e ainda como um exemplo da forma mais digna e eficaz de uma sociedade de gestão colectiva de direito de autor estar no espaço mediático, designadamente na televisão e na rádio, com todo o prestígio e credibilidade que essa presença confere aos autores e a quem os representa. 

A CISAC, que se encontra em fase de reestruturação profunda, aprovou o seu novo organograma e apontou para Londres a realização da sua Assembleia Geral, em 2014. 

Lisboa, 12 de Junho de 2013

Newsletter

Newsletter

    Contactos

    Av. Duque de Loulé, 31
    1069 – 153 Lisboa
    E-mail: geral@spautores.pt