Gala Anual da SPA no Teatro Nacional e transmitida na RTP2

Distingue Autores, Autarquias, Carlos Avilez e o T.E.C.

Gala anual da SPA, teve como palco, pela primeira vez, o Teatro Nacional D. Maria II. Esta gala foi realizada durante vários anos no palco principal do Centro Cultural de Belém e no ano passado no Casino Lisboa, sempre com transmissão garantida pela RTP.

Para além dos prémios atribuídos aos melhores trabalhos de 2015 em todas as disciplinas que a RTP representa e também ao nível da representação, a SPA irá distinguir duas autarquias (Óbidos e Idanha-a-Nova) com o Prémio para a Melhor Programação Cultural Autárquica.

O Prémio Internacional que a SPA volta a dar este ano será entregue ao jurista Gadi Oron, director-geral da Confederação Internacional de Sociedades de Autores e Compositores, com sede em Paris, que completa este ano nove décadas de existência, à semelhança da SPA, que os completou em 22 de Maio de 2015.

O Prémio Vida e Obra, já atribuído a Eduardo Lourenço, a Júlio Pomar, Mário Soares, à Fundação Gulbenkian, a José-Augusto França e a Álvaro Siza Vieira, será este ano entregue a Carlos Avilez e ao Teatro Experimental de Cascais, fundado em Novembro de 1965 em Cascais por aquele encenador e outros profissionais de teatro e que é a mais antiga companhia portuguesa de teatro independente.

Destaque-se, entre outras, a actuação conjunta de Sérgio Godinho e Jorge Palma, ambos cooperadores da SPA, no final desta gala, que precede a de 20 de Maio, comemorativa do Dia do Autor Português e que culminará com a entrega do Prémio de Consagração de Carreira a Manuel Alregre, distinguindo décadas de actividade como criador literário e como defensor intransigente dos valores da liberdade e da democracia.

#premioautores

Lisboa, 23 de Março de 2016

Newsletter

Newsletter

    Contactos

    Av. Duque de Loulé, 31
    1069 – 153 Lisboa
    E-mail: geral@spautores.pt