SPA homenageou Zeca Afonso no Teatro da Trindade e irá recordar Vida e Obra de Ary dos Santos

Ontem, dia 21 de Março, Dia Mundial da Poesia, esteve em cena no Teatro da Trindade, numa parceria da SPA com a Fundação Inatel, o espectáculo “Zeca Afonso-Coro da Primavera”, com direcção artística de Carlos Alberto Moniz e com o objectivo de assinalar a passagem do 30º aniversário da morte do cantor e autor de “Grândola, Vila Morena” que foi associado da SPA desde 1960 e seu cooperador desde 1978. Também nesse dia, a SPA divulgará a mensagem do Dia da Poesia, da autoria do poeta e ficcionista Gonçalo M. Tavares, cooperador da SPA, que a escreveu a convite da cooperativa dos autores portugueses.

O espectáculo, com cenografia de António Casimiro, contou com as participações, entre outros, de Francisco Fanhais, Vitorino, Samuel, Carlos Alberto Moniz, Lúcia Moniz e Diogo Leite, Ana Laíns e Paulo Loureiro, Rumos Ensemble, Silvestre Fonseca e Banda Filarmónica Matos Galamba de Alcácer do Sal, Rumos Ensemble e Tuna Académica Feminina do IST. Cândido Mota foi o apresentador.

“Zeca Afonso-Coro da Primavera” resulta da parceria da SPA com o Teatro da Trindade/Fundação Inatel”, que incluirá sessões de leitura de textos teatrais naquele teatro, um espectáculo de homenagem a José Carlos Ary dos Santos, em fase de montagem, apoio à edição de livros e outras realizações culturais e artísticas. Recorde-se também que o Teatro da Trindade, sala emblemática da vida artística da capital, completa este ano um século e meio de existência.

Lisboa, 22 de Março de 2017

Newsletter

Newsletter

    Contactos

    Av. Duque de Loulé, 31
    1069 – 153 Lisboa
    E-mail: geral@spautores.pt