SPA solidária com apoio aos refugiados/migrantes

A Direcção da SPA analisou, juntamente com membros dos restantes corpos sociais, a gravidade da situação que a Europa enfrenta como consequência da entrada no continente de muitas dezenas de milhares de refugiados e migrantes provenientes de um Médio Oriente em guerra e em acentuada situação de instabilidade social e económica, manifestando a sua solidariedade com aqueles que sofrem e tentam escapar do sofrimento e da morte.

Por esse motivo, a SPA apela ao governo português no sentido de que se empenhe, juntamente com outros Estados e nações, no encontro de soluções que passem pela extinção da guerra nas regiões de onde provêm os refugiados e migrantes, embora se saiba que o encontro dessa solução ou soluções é moroso e de uma grande complexidade. Por outro lado, a SPA, nascida há 90 anos num país que tem uma longa história de relação com refugiados e migrantes, designadamente em contexto de guerra, sublinha a importância da estrutura de apoio aos refugiados e migrantes já criada e activa em Portugal, nomeadamente com o apoio fundamental da Igreja e de muitas dezenas de autarquias. Trata-se agora de estruturar a ideia e a solidariedade e de se dar apoio com continuidade a quem dele tanto carece.

A SPA, com mais de 25 mil associados e com delegações do Norte do país até as regiões autónomas, disponibiliza-se para apoiar, à escala das suas possibilidades, esse esforço nacional, nunca esquecendo as enormes dificuldades que os seus associados enfrentam como consequência de uma gravíssima crise que não pode ser continuada e agravada pelo governo resultante do acto eleitoral do próximo dia 4 de Outubro. Que nunca os autores, sejam de que disciplina forem, se vejam forcados a fugir e a migrar para encontrarem as condições de trabalho e subsistência que o seu país lamentavelmente lhes nega.

Lisboa, 2 de Outubro de 2015

Newsletter

Newsletter

    Contactos

    Av. Duque de Loulé, 31
    1069 – 153 Lisboa
    E-mail: geral@spautores.pt