SPA solidária com o sector da restauração quanto à exigência de redução do IVA

O Conselho de Administração da SPA volta juntar a sua voz à dos empresários e trabalhadores do sector da restauração no que toca à exigência de uma redução urgente do actual valor do IVA, que se situa nos 23%.

Considera a SPA que esta forma de penalização fiscal contribui seriamente para o aumento do desemprego no sector, para o enfraquecimento de uma área relevante do nosso tecido económico e ainda para o agravamento das já existentes
dificuldades de cobrança, pelo sector da Execução Pública, dos direitos correspondentes à utilização, nos espaços de restauração, de repertórios musicais protegidos.

Tendo presentes situações como a da Suécia, onde o valor do IVA foi reduzido para 12%, e o de França, onde o IVA será aumentado, só em 2014, para 10%, a SPA apela ao governo no sentido de que reduza com urgência o valor actual do IVA, de forma a evitar o iminente colapso de um sector fundamental da nossa vida económica. A SPA reafirma assim a sua solidariedade com os empresários e trabalhadores do sector da restauração, vítimas em número sempre crescente da crise que afecta o país e para a qual não estão a ser encontradas as respostas e soluções adequadas.

Lisboa, 21 de Novembro de 2012

Newsletter

Newsletter

    Contactos

    Av. Duque de Loulé, 31
    1069 – 153 Lisboa
    E-mail: geral@spautores.pt